Logo - Sesc Pantanal Estância Ecológica

Institucional

Notícias

Cartografia dos Sentidos: projeto itinerante promove reflexão sobre comunidade, território e pertencimento

05/08/2022
Fonte: Sesc
Foto: Sesc

A partir desta sexta-feira (05/08), as Unidades do Polo Socioambiental Sesc Pantanal recebem o projeto ‘Cartografia dos Sentidos’, que convida as comunidades a observarem e pensarem a relação com o território em que vivem. O projeto é formado por instalações interativas, entre elas um mapa gigante da região do Pantanal, com quase 500 metros quadrados; estúdio de projeções fotográficas de paisagens locais; montagem de esculturas de taipa; e intervenção artística com os sons do Pantanal. A visitação é gratuita e vai até o dia 17 de agosto.

A iniciativa, coordenada pelo artista multimídia e antropólogo Maurício Panella, começa o ciclo de exibições no Sesc Poconé, na sexta (05), das 14h às 18h e no sábado (06), das 8h às 12h e das 14h às 18h.

De acordo com a responsável pelo Núcleo de Programas Sociais do Sesc Poconé, Renata Carina Dichoff, a ação pretende envolver os empregados do Polo Socioambiental Sesc Pantanal e as comunidades próximas às Unidades, visando fortalecer o sentimento de pertencimento e valorização da cultura local.

“Queremos promover um espaço criativo e experiências sensoriais para que as pessoas compartilhem outras experiências para perceber o lugar e valorizar o Pantanal, se reconheçam e se sintam ainda mais parte desse território. Para isso, iremos destacar também aspectos históricos e geográficos por meio da arte”, completou a gestora.

Nos dias 09 e 10 de agosto, o projeto estará na comunidade pantaneira de São Pedro de Joselândia, em Barão de Melgaço. Em seguida, nos dias 12 e 13, a ativação estará aberta para visitação no Parque Sesc Serra Azul, em Rosário Oeste; e nos dias 14, 15 e 16 no Parque Sesc Baía das Pedras, em Poconé.

O 'Cartografia dos Sentidos' encerra as atividades com uma programação especial no dia 17 de agosto, no Hotel Sesc Pantanal Porto Cercado. Em todas as Unidades serão realizadas ainda apresentações culturais e rodas de conversa sobre os temas abordados.

Cartografia dos Sentidos
O Projeto foi lançado em 2010 na cidade de Natal (RN) pelo Instituto Casadágua e Estúdio de Criação e já criou uma variedade de exposições em formato de laboratório colaborativo em todo o Brasil. De acordo com o antropólogo Maurício Panella, o objetivo central desta edição do projeto, construído em parceria com o Sesc Pantanal, é permitir ao público uma imersão em seus territórios, patrimônios e memórias afetivas. “A ideia é que as pessoas pensem no que desejam para o Pantanal e para as comunidades que fazem parte dele, interagindo, criando e refletindo sobre as realidades do seu território”, concluiu o artista.

O Cartografia dos Sentidos Pantanal é realizado pelo Polo Socioambiental Sesc Pantanal, com apoio da Mulheres em Ação no Pantanal (Mupan), por meio do projeto Aquarela Pantanal, com financiamento do Fundo Global para o Meio Ambiente (GEF), por meio do Projeto Estratégias de Conservação, Recuperação e Manejo para a Biodiversidade da Caatinga, Pampa e Pantanal (GEF Terrestre), do Ministério do Meio Ambiente (MMA), Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Fundo Brasileiro de Biodiversidade (FUNBIO).

Outras Notícias

Mais Notícias