Logo - Sesc Pantanal Estância Ecológica

Institucional

Notícias

Dia Internacional da Reciclagem: ações positivas no Pantanal impactam o meio ambiente e as comunidades

17/05/2022
Fonte: Sesc Pantanal
Foto: Sesc Pantanal

Nesta terça-feira, 17 de maio, comemora-se o Dia Internacional da Reciclagem, data instituída pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência, e a Cultura) com o objetivo de chamar a atenção sobre a importância de fazer o descarte correto dos itens consumidos pela sociedade. No Pantanal, boas práticas de sustentabilidade realizadas pelo Polo Socioambiental Sesc Pantanal têm impactado positivamente o meio ambiente e as comunidades locais.

Nas nove unidades do Sesc Pantanal, 100% dos resíduos recebem tratamento ou destinação adequada. A Cooperativa de Catadores de Materiais Reaproveitáveis de Poconé (Cooponé), a Associação dos Catadores de Material Reciclável de Várzea Grande (Asscavag) e a Cooperativa Conexão Verde Vitória (orgânicos) estão entre os parceiros responsáveis por reciclar materiais como papel, papelão, tetra pak, alumínio, pet, plástico, orgânicos, óleo de cozinha, resíduos de obra eletrônicos e lâmpadas que, juntos, somaram 280 toneladas em 2021.

Os materiais enviados para reciclagem beneficiam dezenas de famílias, destaca a superintendente do Sesc Pantanal, Christiane Caetano. “A destinação correta dos resíduos beneficia o meio ambiente, gera renda para as famílias e sensibiliza milhares de turistas que visitam as nossas unidades todos os anos. É um compromisso que contribui para minimizar problemas sociais, ambientais e econômicos", destaca a Christiane.

Ela explica que o Sesc Pantanal busca, há 25 anos, ampliar as alternativas sustentáveis para reduzir, reutilizar e reciclar, a partir da separação dos materiais que podem voltar para o ciclo produtivo, evitando a retirada de mais recursos naturais.

Somente em 2021, o Hotel Sesc Porto Cercado, uma das unidades do Polo Socioambiental localizada em Poconé, destinou corretamente 50 toneladas de resíduos orgânicos, 39 toneladas de resíduos sanitários, 147m³ de resíduos de obras, 3,5 toneladas de material reciclável, 543 litros de óleo de cozinha, 3,5 mil unidades de vidros, 92 quilos de resíduos de saúde, 6kg de pilhas e 75 aparelhos eletroeletrônicos.

Além do material destinado para a reciclagem, atualmente, todo o resíduo descartado nas unidades do Polo Socioambiental Sesc Pantanal é tratado e transformado em adubo.

A bióloga e responsável pela gestão ambiental do Polo Sesc Pantanal, Isana Gajo, destaca que toda ação pessoal é muito importante para o meio ambiente. “As ações devem ser levadas para dentro de casa, desde o momento de separação dos resíduos até a destinação do material. É preciso pensar nos impactos ao meio ambiente e a nós mesmos”, ressaltou.

Outras Notícias

Mais Notícias